Hoje eu acordei gostando mais de mim, vou cair fora numa boa

“Não nasci pra ficar mendigando o amor de ninguém.”
Ou soma ou some. (via soupoetico)

Mude. Mas mude por você, não pelos outros.

“O amor está na moda. Em cada canto da cidade se encontra as mãos dadas, a transferência de beijos, as juras de amor eterno, as trocas de olhares dos que juram estar apaixonados. O amor está no ar. Seja no ponto de ônibus, em frente ao portão de casa, em frente a faixa de pedestres enquanto se espera o semáforo abrir. A cada esquina são vistos casais que de vista qualquer um diria que são feitos um para o outro. São mesmo? O amor é uma tendência, mas que hoje, geralmente, persiste só enquanto a estação outono-inverno durar. Depois disso as vitrines são trocadas e a moda simplesmente é alterada por outra. E aquele amor eterno, veja só que ironia: acaba. Ele sofre a metamorfose do “infinito” para aquilo que mal se sabe se realmente existiu. É jogado na caçamba do passado pra ninguém nunca mais vasculhar. Ainda há espaço para algumas lágrimas aqui ou ali, mas que o “siga-em-frente” faz questão de secar todas. “Não era pra ser”, costumam dizer. Quando é então que será? Mas hoje em dia é assim, não costuma durar muito. Logo surgem novas vestimentas para o coração dos jovens amantes. O amor está na moda, mas, infelizmente, está sendo breve e súbito. Normalmente dura até a manhã pós madrugada de sexo. Ou então logo na primeira discussão boba que começou por causa de uma toalha molhada em cima da cama. Custa, no máximo, dois sorvetes enquanto se passeia pelo shopping ou ainda um luxo básico de um par de alianças de prata. Enquanto que chegar nas alianças de ouro já é um pouco mais raro. Este amor de boca para fora está mesmo em cada esquina, em cada status de relacionamento em redes sociais. As pessoas são afogadas pelo medo de ficarem só e acabam por confundirem carência com aquele sentimento que arde por dentro mas que é o motivo pelo qual existe a vida. O “amor” está na moda! Mas amar, amar mesmo, do tipo que ultrapassa os muros e as barreiras, que vence as tempestades e as crises, os choros e os risos, os tapas na cara e o orgulho, de verdade, está cada vez mais raro.”
Igor Salles.

"Se você ainda não desistiu é porque, de alguma forma, você ainda quer acreditar."

“As vezes passamos horas, dias, meses e até anos correndo atrás dos nossos sonhos e quando menos esperamos o destino muda tudo, e os sonhos passam a correr atrás de nós.”
Autor Desconhecido.
“O silêncio é apenas uma forma de se dizer que há muito no que pensar.”
Jô Soares.

Se uma mulher estiver irritada, abrace-a e diga o quanto ela está bonita. Se não resolver, recue a uma distância segura e comece a jogar chocolate.

“Pare de correr atrás, pare de se importar, seja indisponível, desapegue, pessoas gostam do que não têm.”
Dr. House